Bus turístico de la ciudad de Buenos Aires

Palermo

Comprar Bilhetes
Ver percursos

O nascimento deste bairro encontra-se vinculado a Dom Juan Manuel de Rosas, quem por 1836 adquiriu estas terras construindo nelas sua residência. A mesma estava localizada no canto sudeste das atuais avenidas do Libertador e Sarmiento. Depois de Caseros, ocupou a casa Urquiza, e depois desses agitados anos, a mesma foi sede da Escola de Artes e Ofícios, do Colégio Militar e da Escola Naval.

Em 11 de novembro de 1875teve concretização a iniciativa de Sarmiento e se inaugurou o parque Tres de Fevereiro. Pouco depois foram criados o Jardim Botânico e o Jardim Zoológico. O tango se afinou também em Palermo e Hansen foi seu mitológico cenário, pelo tempo em que ainda o arroio Maldonado se encontrava aberto ao céu, e os cantos do bairro não sonhavam que tempo depois abrigariam a lenda de embalar em seus ochavas a infinitos guapos e malevos. Pouco a pouco, os restos do passado desapareceram. Em 1917 desapareceram os célebres portões que serviam de entrada ao parque, e cujo nome adotou a toponímia popular para designar a Praça Itália e suas imediações.

Com respeito à origem do nome deste bairro, as discussões ainda continuam. A primeira das duas hipóteses mais difundidas e possíveis vincula esta denominação com Juan Domínguez Palermo, que no início do século XVII era o proprietário das terras; A segunda nos diz que o mesmo deriva de um oratório no qual se venerava uma imagem de São Bento de Palermo.

Hoje Palermo oferece muito de tudo: é possível recriar em suas ruas a vida de Jorge Luis Borges, além de visitar lugares emblemáticos como o Planetário e o Museu Evita, escolher itens de design e desfrutar da gastronomia na área da Plaza Cortázar e respirar nos melhores espaços verdes da cidade.

Venha Visitar Nossas Atrações Mais Famosas